Pilates presente no Teleatendimento

Quando o Pilates passou a se fazer presente no Teleatendimento?

Em 2019 as notícias sobre o coronavírus começaram a estampar alguns noticiários, porém era distante da nossa realidade. Após alguns meses, entramos em 2020, o ano em que o mundo parou. Iniciamos o isolamento social, nos afastamos de amigos, familiares e da nossa rotina. O decreto estabelecido em o todo Brasil permitia apenas abertura de serviços essenciais, na qual, clínicas de fisioterapia enquadraram-se, porém o medo e a incerteza de contrair o vírus era grande e a disseminação ocorria de forma rápida.

No dia 23 de março de 2020 o Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia ocupacional (COFFITO) emitiu uma nota onde constava a autorização da realização de teleconsultas, teleconsultorias e telemonitoramento, seguindo as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS). Posto isto, foi estabelecido e publicado no Diário Oficial da União, por meio da resolução n° 516.

Com a intenção de assegurar o atendimento virtual, foram determinadas algumas normas, sendo algumas delas: enquadram-se no acompanhamento à distância, ou seja: no teleatendimento, pacientes que de antemão realizaram atendimentos de forma presencial; os profissionais terão autonomia, a fim de decidir quais pacientes adequam-se neste sistema virtual e liberdade na escolha de técnicas adequadas para cada indivíduo.

O crescimento do teleatendimento no Pilates

PUBLICIDADE
Linha WAVE 2.0 - Estúdio completo + Curso Desvendando a Flexibilidade + Mentoria MetaLife 2021
Five e Mentoria MetaLife 2021 o seu próximo passo
Linha WAVE 2.0 - Estúdio completo + Curso Desvendando a Flexibilidade + Mentoria MetaLife 2021

Não há um número específico em relação ao índice de teleatendimentos realizados desde o início da pandemia na área da saúde, pois, muitas cidades, estados e empresas obtiveram suas próprias plataformas. Porém, é nítido o crescimento deste recurso, assim como a técnica de Joseph Pilates presente no teleatendimento.

Sendo considerada uma atividade que visa a ativação do corpo de forma global, além de utilizar do nosso power house (casa de força – denominado assim por ele), o método recruta também músculos respiratórios e traz inúmeros outros benefícios, mantendo mente e corpo saudáveis, o que é ainda mais importante neste momento que nos encontramos.

Sempre que pensamos em Pilates, automaticamente imaginamos um estúdio completo, com aparelhos e espelhos em algumas paredes, porém nem Joseph contaria com sua técnica sendo implementada virtualmente, desafiando, um pouco mais, os amantes do Pilates.

Mesmo com vastos exercícios de Mat pilates, a adaptação dos nossos queridos aparelhos foram necessárias para o solo. A fisioterapeuta Anne-Rose Batista, sócia do Instituto Golden Pilates e Fisioterapia, Porto Alegre – RS, relata os desafios desde então: “É preciso prestar muito mais atenção a cada detalhe, às possíveis compensações, às orientações dadas e às adaptações para realização da prática. Além disso, somos reféns da internet, que por vezes nos instiga a achar a melhor ferramenta de comunicação, entretanto possibilita o atendimento em qualquer lugar.”

Ainda assim, a fisioterapeuta Anne-Rose comenta sobre o crescimento do domínio de  seus comandos e relata: “ Para os reféns do toque, como eu,  isso é um dos maiores desafios”.

Ela também relembra a evolução dos seus pacientes no modo virtual e afirma que o ambiente residencial de cada paciente permite se sentir mais à vontade. Da mesma forma, os praticantes também se sentiram desafiados: “Me sinto mais desafiada, pelo fato de fazer todos  os exercícios no solo. Percebo que exigem mais força”, relata Carine Simone Petry, de 45 anos, bancária e praticante de Pilates do Instituto Golden Pilates e Fisioterapia, que encontra se em home-office.

Ela complementa: “Para mim foi surpreendente o resultado da prática online. Consegui fazer exercícios no solo, que antes não conseguia. O Pilates me dá muita disposição, conforto e bem-estar para realizar as tarefas do dia”.

Assim como a Carine, quem não deseja manter a casa interior organizada e saudável? O teleatendimento no Pilates pode ser uma ótima alternativa!

Por: Elisa Cardoso
Fisioterapeuta – Crefito5: 309937 – F
Pós-Graduanda em Fisioterapia Traumato-Ortopédica e Esportiva;
Formação em Pilates Clássico – Básico ao Avançado;
Formação em Pilates com Acessórios Clássicos;
Formação em Auriculoterapia;
Formação em Bandagens Funcionais;
Formação em Drenagem Linfática;
Formação em Dry Needling;
Formação Fascial Movement;
Formação em Liberação Miofascial.
PUBLICIDADE
Estúdio Infinity MetaLife Setembro 2021
Estúdio Infinity MetaLife Setembro 2021
Five e Mentoria MetaLife 2021 o seu próximo passo