Pesquisar
Close this search box.

+80K

+390K

Pesquisar
Close this search box.

+80K

+390K

Pilates no Frio

Pilates no frio. O inverno chegou, e com ele aquela vontade de ficar quieto, poupando energia, contendo o calor do corpo, se aquecendo com agasalhos e roupas mais quentes. Nosso corpo também experimenta mudanças nos níveis de energia, na taxa metabólica e, até mesmo, nas preferências alimentares.? 

Naturalmente, você reage ao frio intenso pulando o seu treino diário. Entretanto, se convence de que merece um belo lanchinho bem calórico para se aquecer e compensar a sensação de desconforto que o frio nos causa. 

Porém, o?nosso organismo se adapta ao frio?e passa por diversas modificações para produzir mais calor, e isso faz com que a gente tenha alguns cuidados para evitar lesão e manter a saúde do nosso organismo. 

Qual a reação do corpo com o pilates no frio? 

As pessoas geralmente ficam menos ativas, o que leva a um enfraquecimento das articulações e dos músculos, favorecendo a ocorrência de lesões no dia a dia. O Pilates mantém as articulações protegidas e a musculatura forte, evitando traumas, torções e lesões nas atividades diárias. Então, o método Pilates acaba sendo o mais praticado. 

Eu tenho o hábito de treinar. Além disso, ao longo da minha vida, fiz dança, musculação e Pilates. O Pilates foi o método que mais me encantou. Aliás, eu senti meu corpo de verdade com essa prática. Consigo perceber que minha mente, quando conectada e concentrada, desenvolvo a prática com mais afinco, mais segura e sentindo todas as estruturas trabalharem. 

Estou morando em Curitiba há quase 3 anos. A cidade tem a característica de ser mais fria por mais dias no ano, em comparação a São Paulo, onde vivi mais de 30 anos. No início foi um grande desafio colocar uma rotina de treinos, visto que, não é somente frio no inverno, os dias começam frios e vão melhorando com o passar das horas do dia. Agora, no inverno, a temperatura chega a ser muito baixa, com chuvas quase todos os dias. Se eu não estiver focada, pensando sempre que terei a recompensa no final do treino que é aquela sensação maravilhosa que a endorfina provoca, meus treinos seriam boicotados. Aí vem a cabeça dominando o corpo. 

Qual a sensação do corpo ao praticar pilates no frio? 

Tudo se adapta e o corpo se adapta ao seu estilo de vida. Praticar Pilates no inverno me dá a sensação de que meu corpo consegue se mover melhor após a aula, e as dores articulares que eventualmente surgem devido à rigidez do frio acabam adormecendo, dando espaço para as dores musculares no dia seguinte. Sinal de que fiz o dever de casa direitinho, rs. 

Vou citar para vocês alguns benefícios do Pilates no frio, seja pilates clássico ou pilates contemporâneo, e eu tenho certeza de que irão começar a praticar o método hoje mesmo. 

Benefícios do Método Pilates: 

1 – Aumenta sua resistência: a maioria das pessoas faz promessa de melhorar a saúde no começo do ano e do novo ano. Contudo, com as temperaturas baixas, esse compromisso acaba sendo colocado de lado, algumas vezes. Se você mantiver o foco e for persistente e continuar os treinos de Pilates, treinar no frio pode aumentar sua imunidade. Isso evita assim diversas doenças do inverno. 

2- Exercitar no frio seja com roller de pilates ou sem, ajuda a metabolizar gordura: a gordura é responsável por produzir calor e manter a temperatura corporal quando estamos fazendo Pilates, ajudando assim na perda de peso e na prevenção de doenças. 

3 – Repõe vitamina D: O Pilates tem muitos benefícios, e com ela trabalhamos estímulos do sistema músculo esquelético. Quando o tendão muscular é estimulado, ele causa um atrito no periósteo, librando cálcio, assim nosso corpo acaba reabsorvendo esse cálcio, auxiliando no fortalecimento dos ossos. A vitamina D é fundamental para a manutenção e para o desenvolvimento da força muscular. Ela participa da composição das fibras musculares e ainda auxilia no transporte de substâncias que nutrem o músculo. 

4 – Oxigena melhor os músculos e aumenta a circulação sanguínea, sensibilidade e dor: na prática do Pilates no frio, o fluxo sanguíneo aumenta até 5 vezes. E durante o frio, o coração sente uma certa dificuldade em bombear sangue para as regiões periféricas, já que o organismo está em estado de conservação de energia. O exercício do Pilates proporciona uma maior concentração de volume inspiratório, oxigenando melhor o corpo e aumentando o ritmo cardíaco, melhorando a capacidade cardiovascular. 

 

E ainda adicionamos esse outros Benefícios do Método Pilates: 

5 – Diminuição da rigidez muscular: Com os exercícios de alongamento e fortalecimento ativos que são realizados nas aulas de Pilates a tensão muscular causada nas fibras em resposta ao frio tende a diminuir. 

6 – Melhora da disposição e autoestima: A grande responsável por esse fenômeno é liberação da endorfina que ocorre logo após as aulas. 

7 – Maior consciência corporal: É incrível como esse método interfere positivamente na consciência corporal de quem prática e no inverno desenvolver essa habilidade. É muito importante, uma vez que um clima mais úmido predispõe a maiores riscos nas atividades do dia a dia, como a incidência de quedas para os idosos. 

8 – Prevenção da depressão e ansiedade: na aula de Pilates, sinto uma conexão profunda entre mente e corpo, certamente. 

O instrutor nos guia para encontrar equilíbrio emocional. Aprendi a manter a atenção plena em cada movimento. Portanto recomendo vivenciar essa experiência para encontrar paz e presença. 

Conclusão do artigo pilates no frio: 

Durante o inverno, descobri que o Pilates traz muitos benefícios para a saúde. Acredito que experimentar esses benefícios pode inspirá-lo a começar sua própria jornada de exercícios. Eu costumava ficar no sofá, mas o Pilates no inverno me ajudou a melhorar minha saúde. Experimente você também! 

Então não vamos usar desculpas, fazer Pilates no frio trará muitos benefícios! Inclusive você vai gastar os quilinhos extras, já que o organismo precisa queimar mais calorias para se manter aquecido. Não perca mais tempo comece agora transformar seu corpo, preparando-se para aproveitar o Verão em boa forma. 

 

Dra Radhija Mussi 

Fisioterapeuta especialista em Clínica Médica pela UNIFESP 

Instrutora de Pilates formada pela Stott Pilates e Alves Pilates 

Mentora de curso de Pilates para idosos em todo o Brasil. 

Compartilhar:

Redes Sociais

Mais Populares

Receba as últimas atualizações

Seja dono do seu estúdio

Categorias

Destaques do mês

Confira nosso blog

BAIXE NOSSOS E-BOOKS gratuitamente

Sobre Nós
Um canal digital que fornece informações para a comunidade do Pilates, incluindo praticantes, instrutores, profissionais da saúde, profissionais de educação física, fisioterapeutas e estudantes.

FALE CONOSCO

Preencha o formulário abaixo, e em breve entraremos em contato!