Pilates ajuda a emagrecer? 

Pilates ajuda a emagrecer?

Pilates ajuda a emagrecer? A verdade que não te contaram! 

Uma dúvida muito frequente entre as pessoas é se o Pilates ajuda a emagrecer. Isso porque a atividade, distinto à corrida, possui baixo alento aeróbico.  

Sendo assim, os alunos que se encontram acima do peso ficam em dúvida sobre se a atividade é a melhor para que ele consiga levar uma vida mais saudável e conseguir ter um corpo padrão. 

Todos sabem que no método Pilates estão os melhores exercícios para flexibilidade mas a dúvida é sempre quanto à perda de peso. 

Grande parte das pessoas acham que o Pilates para quem está acima do peso não é uma atividade boa. No entanto, se engana quem pensa assim. 

PUBLICIDADE
Linha WAVE 2.0 MetaLife setembro 2021
Five Outubro 2021 - Seu próximo passo, sua nova oportunidade
Linha WAVE 2.0 MetaLife setembro 2021

Dentro do método os exercícios com impactos são algo que quase não se usam. A não ser em um caso muito singular, onde a recomendação médica seja de não fazer o método, o Pilates abrange a todos. 

Dessa maneira, tanto crianças como idosos, grávidas, obesos, pessoas acidentadas, entre todos os tipos de condições e idades podem praticar o método. 

Se você ainda tem algum tipo de dúvida sobre este assunto, confira este conteúdo e se informe sobre tudo o que você deve saber a respeito do método Pilates para quem quer emagrecer. 

O Pilates ajuda a emagrecer? 

Se você está na dúvida sobre a eficácia do Pilates, então saiba que sim, ele é uma atividade que ajuda para perder peso e medidas. 

No entanto, somente sua prática não é tão eficaz para que isso ocorra. Isso porque o Pilates é um método focado para a reabilitação dos membros e a melhora da saúde física e mental. Sendo assim, apesar de ajudar – e muito – quem precisa perder peso, ele não fará milagres, mas se combinado com outros tipos de atividades, seus efeitos são visíveis. 

Quem está acima do peso provavelmente desenvolveu algumas patologias por conta disso, e o Pilates serve justamente para auxiliar e combater essas patologias como: 

  • Tratar hérnias; 
  • Prevenir lesões; 
  • Fortalecer os músculos; 
  • Alongar o corpo; 
  • Reequilibrar a postura; 
  • Entre outras coisas. 

O bom é que o Pilates pode ser usado de diversas maneiras e com foco em diferentes partes do corpo. Então, se você pretende emagrecer, o que você deve fazer é uma atividade voltada para isso. 

No entanto, você deve ter em mente que será preciso combinar atividades de alta intensidade para que seu objetivo seja alcançado. 

Ao longo do tempo, você poderá observar que o método, como trabalha com o?corpo como um todo, acaba sendo ótimo para sua mudança corporal. 

O Pilates ajuda a fortalecer os músculos e também em sua tonificação. Além disso, o Pilates preza por um corpo estável e bem articulado. Assim, você consegue ter um bom metabolismo. 

Como se utilizar do Pilates para o emagrecimento? 

Como foi dito, o Pilates não é aquela atividade que substitui a academia. Portanto, a melhor maneira de utilizar o Pilates é com ele sendo um método?complementar as atividades que geram queima calórica. 

O ideal é que o método possa ser praticado, no mínimo, umas 3 vezes por semana. Assim, todo seu corpo consegue entrar em equilíbrio, estar aquecido e preparado para receber outras atividades. 

O método Pilates, quando feito para emagrecimento, tem duração de pelo menos uma hora. E durante esse período, é possível que uma pessoa consiga perder de 400 a 500 calorias conforme for o estilo de aula. 

Isso é mais ou menos comparado com um pacote de biscoitos comum. 

Mas aqui, o ideal não é comparar quantas calorias pode-se perder no Pilates, e sim em como ele auxiliará seu corpo como um todo a alcançar mais rápido o seu objetivo principal. 

Princípios do Pilates 

Sandro Alves, Diretor da Alves Pilates, ministrante de cursos sobre o método

Os princípios básicos em que o Pilates se estabelece são: 

  • Respiração; 
  • Concentração; 
  • Controle; 
  • Centralidade; 
  • Precisão; 
  • Fluidez. 

Portanto, você pode perceber que ele é uma atividade bastante completa e que engloba tudo o que é preciso dentro de uma ação. Então, você consegue ter um corpo com maior controle e ter mais consciência de seus movimentos. Outro ponto que muitas pessoas confundem também é na parte de fortificação dos músculos. 

Isso porque quando se trata do Pilates, quase todo mundo sabe que por se tratar de uma atividade concentrada, ele tonifica os músculos. No entanto, se você quer uma super definição, isso não vai acontecer pois a atividade e a movimentação trabalham mais o fator da tonificação, para que possa dar força aquele músculo. 

Em longo prazo talvez você consiga definir de forma mais aparente, no entanto se esse é um dos seus objetivos, mais uma vez, combinar musculação e Pilates é a melhor maneira para que isso aconteça. 

Como se trata de um método que atua de dentro para fora, o Pilates pode mudar a vida de quem o pratica e por isso também que ele é recomendado a se realizar junto com outros exercícios. 

O motivo é que, além de tonificar os músculos e prepará-los para receber uma atividade mais pesada, o Pilates também atua como um reabilitador. 

Pilates ajuda a emagrecer? Dicas 

Ou seja, após uma atividade mais pesada ele pode atuar como um “relax” para o corpo e até mesmo prevenir que seus músculos fiquem tensionados ou lesionados. 

Sabendo que a obesidade é uma doença que gera uma série de alterações no corpo, é importante ter o cuidado de tratá-la bem. 

Sendo assim, o foco que uma pessoa deve ter não deve se aplicar apenas na perda de peso e sim no conjunto como um todo, que é como fazer isso de maneira saudável. 

Por ter inúmeros movimentos diferentes e várias intensidades, o Pilates acaba então por respeitar as limitações de cada pessoa e faz com que não haja uma sobrecarga naquele movimento. 

Logo, ele não é uma atividade exaustiva e que leva a pessoa a um esgotamento. Muito pelo contrário, ele vai agindo nos locais específicos de modo intenso, mas sem que haja muita pressão. 

Transformações que acontecem no Pilates 

Quando uma pessoa acima do seu peso ideal busca por dar um foco em melhorar sua força muscular, o seu corpo acaba fazendo com que as gorduras queimem de modo mais natural. 

Sendo assim, o Pilates vem como um método que transforma a vida da pessoa em algo melhor, ainda mais para aqueles que buscam outros meios de contribuir com o emagrecimento. 

 Assim, é crucial saber que o autor do método Pilates , separou um conjunto de coisas que acaba se fazendo preciso para que o emagrecimento aconteça, como: 

  • Tomar bastante líquido; 
  • Dormir pelo menos 8 horas; 
  • E fazer uma dieta acessível com bons alimentos. 

Por sorte eu decidi comprar a obra completa de Joseph Pilates e confirmar esse fato nesse artigo. Esse livro é a união da sua Saúde e Retorno à Vida Através da Contrologia 

 Uma boa dica é fazer Pilates e aeróbico, pois como se trata de movimentos mais intensos, e ajudam acelerar a queima de gordura. Com o Pilates, sua mente também fica mais focada. 

Sendo assim, você consegue manter um equilíbrio como um todo, aliviando a tensão e não se pressionando tanto, pois você estará dando importância àquilo que importa. 

Desse modo, com o tempo você já será capaz de ver os resultados chegando. 

Pilates ajuda a emagrecer na prática?

Segundo uma pesquisa feita pelo Ministério da saúde, cerca de 52,5% dos brasileiros adultos estão acima do peso recomendado. 

Essa pesquisa acaba alertando para um problema muito sério que é a possibilidade de desenvolvimento de doenças crônicas, como: 

  • Hipertensão; 
  • Diabetes; 
  • Doenças cardiovasculares; 
  • Entre outras. 

Toda doença crônica aparece de forma silenciosa, e ao somar isso com os maus hábitos da vida moderna e a genética, acaba contribuindo para que a pessoa tenha uma péssima qualidade de vida. 

Um dos grandes objetivos de quem está acima do peso é saber como aliviar dores, melhorar sua postura, ganhar mobilidade e ter mais flexibilidade. 

Sair da zona de conforto é essencial, portanto, o ideal é começar com uma atividade que lhe dê prazer ao praticá-la. Muitas pessoas não gostam de musculação. Isso porque ela é uma atividade pesada e cansativa, até mesmo pela produção de ácido lático que provoca. 

Ademais quem está enfrentando a obesidade possui algumas dificuldades para praticá-las. Então, a melhor opção é escolher atividades que trabalhem com o corpo todo de uma vez e não causem um desconforto, como o Pilates. 

Assim, o aluno se sentirá motivado a continuar e a correr atrás de seus objetivos. Por isso que também é essencial escolher um bom profissional para que o mesmo trace um planejamento individual para cada pessoa. 

O Pilates é um aliado na busca da perda de peso pois ele auxilia o aluno a se conectar de forma mental e buscar essa conexão também com o seu corpo, para trabalhar tudo de forma integrada. 

Como funciona a perda de peso? 

Muita gente não conhece ou sabe de forma muito superficial como ocorre o processo de queima de gordura. Esse conhecimento raso, dá margem a erros e faz com que as pessoas fiquem desmotivadas. 

O metabolismo de cada pessoa atua de maneira distinta. Então, o que para uns funciona mais rápido, para outros nem tanto. 

É preciso então que cada pessoa tenha conhecimento do seu metabolismo e para isso, consulte um médico para saber o que vai funcionar bem em questão de alimentação. 

Assim, sabendo por onde começar e o que fazer para ter uma vida mais saudável, fica mais fácil saber outros caminhos de exercício para fazer e potencializar esse cuidado. 

A perda de peso então, acontece por meio do aumento de gasto calórico feito por exercícios ou pela diminuição de consumo de calorias através da dieta. 

Uma pessoa que está acima do peso consegue ter uma reserva de caloria em forma de gordura bastante alta. A queima dessa gordura acontece quando o corpo a utiliza para realizar as atividades. 

Mas para que essa queima possa ser eficaz, é necessário que o gasto de energia feito por exercícios seja maior que a quantidade que o corpo usa para se manter funcionando. Essa energia que usamos somente para estarmos vivos se chama “metabolismo basal”. 

A realização de atividade física acaba sendo considerado um dos melhores tratamentos para que a pessoa emagreça.  

Com o aumento dessa atividade, o apetite acaba sendo reduzido e a taxa metabólica de repouso acaba aumentando, fazendo com que se tenha uma maior ação na oxidação de gordura. 

Como o Pilates atua? 

Como já foi dito aqui, o Pilates ajuda a emagrecer pois é uma atividade que trabalha toda a musculatura profunda do corpo. Quando há a ajuda de outras atividades, fica nítido a interferência que o Pilates proporciona na perda de peso. 

O Power House, elemento que é muito trabalhado no método, quando está ativo, interfere bastante no que diz respeito a gordura abdominal. Ele é formado por músculos da parte inferior do tronco. 

Sendo assim, com poucos movimentos, mas com eles sendo bem feitos e realizados de modo correto, acabam valendo mais do que horas na academia. 

Quando a pessoa encontra um profissional que organiza e impõe periodicidade nos exercícios e nas cargas, isso acaba se aliando a uma resistência aeróbica. 

O método Pilates então é sim eficiente no emagrecimento. Basta o aluno alinhar os seus objetivos com o instrutor para que ele possa alcançá-lo. 

No curso de formação completa Pilates em São Paulo desse ano, na Metalife Berrini, contamos quais são os melhores exercícios de Pilates para isso. 

 Vejamos quais são eles a seguir: 

Quais os melhores exercícios no Pilates para emagrecer? 

Existe uma variedade muito grande de exercícios que se pode fazer para combater o sobrepeso dentro do Pilates. Eles são muito completos e envolvem todo o corpo, como: 

  • Sistema musculoesquelético; 
  • Cardiovascular; 
  • Sistema respiratório; 
  • Hormônios.  

Para que o exercício seja algo eficiente, é interessante fazer com que vários elementos corporais sejam envolvidos. Assim, o aluno se sentirá mais desafiado e seu corpo gastará mais energia para realizar as atividades. 

Dentre os principais exercícios, os mais famosos para contribuir na perda de peso são: 

  • The hundred: tonifica e fortalece o abdômen, traz equilíbrio e energia; 
  • Criss cross: fortalece os oblíquos e dá mais coordenação motora; 
  • Double leg stretch: tonificação do abdômen; 
  • Shoulder Bridge: diminui carga de peso na coluna;  
  • Roll up: oferece mobilidade; 
  • Push up: fortalece e tonifica músculos, ativa power house; 
  • Leg pull: fortalece e tonifica membros; 
  • Jumps nas plataformas de salto do reformer: dão força e melhoria do condicionamento; 
  • The jack Knife: dá mais mobilidade a coluna e controle corporal; trabalha tríceps, grande dorsal e romboides. 

Outros exercícios também são eficazes, como: 

  • Teaser; 
  • Pelvic Lift; 
  • Going up front; 
  • Knee stretch; 
  • Tendon Stretch; 
  • Pelvic lift; 
  • Etc. 

Conclusão 

Por fim, vimos então se o Pilates ajuda a emagrecer, e como o esperado, a resposta é positiva. Ele ajuda bastante no processo de perda de peso, no entanto, deve ser feito junto de outras atividades se você quer um resultado com mais urgência. 

 O motivo, como já falado, é que apesar de ser uma atividade intensa, o Pilates funciona a longo prazo. Ele funciona mais como um reabilitador do que como um meio único de exercício. 

Assim, ele prepara o corpo para que os resultados sejam potencializados. Por exemplo, exercícios de alta intensidade junto do Pilates acabam fazendo com que o processo acelere e dê mais resultados. 

 Nos conte aqui se você gostou deste conteúdo e compartilhe-o com mais pessoas. 

Sandro Alves, diretor Alves Pilates. 

Sandro Alves, diretor Alves Pilates
PUBLICIDADE
Estúdio Infinity MetaLife Outubro 2021
Estúdio Infinity MetaLife Outubro 2021
Five Outubro 2021 - Seu próximo passo, sua nova oportunidade