MetaLife se Mexe! – Novembro Azul

O câncer de próstata é o segundo tipo de câncer que mais afeta homens no Brasil, segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA). Justamente por este motivo a campanha de novembro azul foi criada, em função da conscientização do auto cuidado.

De acordo com o INCA, a partir dos 40 anos é importante começar a ficar em dia com os exames de prevenção, entretanto, acima dos 50 principalmente, pois a idade é um dos fatores de risco mais comuns, facilitando a possibilidade de contrair o câncer.

Como o Pilates pode ajudar no tratamento do câncer de próstata?

O Método Pilates entra como um auxilio no tratamento, devido ao aumento significativo no sistema imunológico, resistência e fortalece a musculatura do corpo, reduzindo a fadiga e uma possível depressão pelo caso.

Entre os benefícios estão:

  • Flexibilidade
  • Auxilia na reabilitação física
  • Melhora da postura
  • Prevenção de lesões
  • Coordenação
  • Diminui o percentual de gordura
  • Aumento da disposição
  • Melhora resistência
  • Auxilia na capacidade cardiovascular e respiratória
  • Melhora dores musculares
  • Fortalecimento muscular
  • Alivia a fadiga
  • Equilíbrio
  • Melhora nas atividades de vida diárias
  • Bem-estar físico e mental

De acordo com o fisioterapeuta e embaixador MetaLife Matheus Garofalo, a prática de Pilates melhora e estimula o funcionamento do nosso sistema imunológico, “Pilates é uma excelente alternativa para pacientes com câncer de próstata em tratamento, afinal o seu sistema imunológico estará comprometido devido as sessões de radioterapia e tratamento farmacológicos”, afirma Garofalo.

PUBLICIDADE
Matheus Garofalo revista pilates
Matheus Garofalo – Fisioterapeuta e embaixador MetaLife Pilates

Estudos comprovam a eficácia através de treinamento de força, aumentando a qualidade de vida e redução da fadiga.

É importante enfatizar que o Pilates não traz benefícios apenas para o tratamento de Câncer de Próstata, mas sim a saúde do homem em si.

O aluno Arnaldo Furtado (49), comenta sobre sua experiência com o Pilates e os benefícios que o método trouxe pra sua vida “Pilates para mim, foi um click para nova vida! Mente e corpo alinhados no processo de transformação para vida mais saudável. Ganhei qualidade de vida, melhor alimentação, disposição, sono e energia que faltava. O corpo agradece todo bem estar envolvido.” – Afirma Arnaldo, benefícios notados em apenas três meses de treino.

Como o tratamento é realizado?

Novembro azul
Banco de imagem – Istock

O método utilizado no tratamento do Câncer de Próstata depende inteiramente da avaliação proctologista responsável, de acordo com o grau e estágio da doença. A patologia pode ser administrada através de tratamento hormonal, radioterapia e cirurgia – que é considerado a opção primária para o caso.

Os tratamentos hormonais e a radioterapia reduzem o câncer, mas em alguns anos geralmente ele volta a aparecer, assumindo então uma impotência no tratamento. E nos casos de metástase o tratamento é paliativo e mais reservado.

Se o câncer estiver em uma área localizada, opta-se pela prostatectomia radical, ao qual a sobrevida pode atingir 90%, sendo equivalente à população normal.

Em resumo, é indispensável o acompanhamento de um profissional para a execução dos exercícios, ainda mais em pacientes em casos de pacientes em estágios críticos, sendo o mais ideal o acompanhamento de uma equipe multidisciplinar.

Conclusão

Cada vez mais o Pilates ganha notoriedade no mundo masculino, por ser extremamente eficaz na saúde do homem e na prevenção de doenças como o câncer de próstata, pois entendemos que o desenvolvimento desse tipo de câncer pode ser associado à deterioração de assoalho pélvico, musculatura que é sempre estimulada durante os exercícios.

Portanto é impossível contestar os benefícios do método Pilates para a saúde do homem, com a melhora do condicionamento físico e sem dúvidas uma melhora na qualidade de vida.

Banco de imagem - Istock novembro azul
Banco de imagem – Istock

Vale ressaltar que os benefícios se estendem a todas as idades, pois os exercícios são orientados de acordo com avaliação prévia, para a necessidade de cada paciente.

PUBLICIDADE