Gestantes em movimento – Parte 1

Hoje nossa colunista Marcela Piston inicia um assunto que deixa alguns instrutores inseguros: alunas gestantes!

A gravidez produz inúmeras modificações no organismo da mulher, fazendo com que se sintam pouco atraentes, pesadas e com movimentos descoordenados.

As mulheres que já praticavam atividade física e nunca sofreram aborto espontâneo podem continuar as atividades após adaptação ao seu novo estado. Já as sedentárias devem iniciar após a 12ª semana de gestação (ambos os casos com autorização médica).

Embora as gestantes sejam orientadas a adotarem atividades físicas diárias, não existe nenhuma atividade ou padrão de exercícios propriamente desenvolvidos para gestantes.  A única certeza que se tem é a de que nós, profissionais que vamos trabalhar com gestantes, devemos proporcionar a elas uma atividade física agradável e segura, respeitando a individualidade e, principalmente, obedecendo regras básicas de bom senso.

Precisa-se ter em mente o processo que acontece durante a gestação e suas profundas alterações metabólicas e hormonais, modificando respostas às atividades físicas.

PUBLICIDADE
MetaLife Pilates
MetaLife Pilates
MetaLife Pilates
MetaLife Pilates

Benefícios da atividade física para gestantes:

  • Menor ganho de peso e adiposidade materna;
  • Diminui o risco de diabetes;
  • Menor risco de parto prematuro;
  • Menor duração da fase ativa do parto;
  • Diminuição da incidência de cesárea;
  • Melhora a capacidade física;
  • Melhora autoestima e bem-estar;
  • Melhora a resistência muscular e cardiorrespiratória;
  • Diminui o risco de inchaço nas pernas;
  • Diminui o risco de depressão;
  • Melhora a circulação sanguínea;
  • Ampliação do equilíbrio muscular;
  • Alívio nos desconfortos intestinais;
  • Fortalecimento da musculatura abdominal;
  • Facilidade na recuperação pós-parto.

Profª Esp. Marcela Piston
Full Certification Stott Pilates
Coordenadora Técnica dos Studios Showa Pilates + Funciona e Showa SuperCore

2 COMENTÁRIOS