Pilates para Surfistas: Conheça os Benefícios do Método Aliado ao Surf

O surf é um esporte que exige muito do atleta em todos os sentidos. Por isso os surfistas devem estar sempre dentro de um equilíbrio dinâmico, até porque a prancha vai deslizar na onda, que é uma superfície móvel e que sofre várias modificações, alterando assim o centro de gravidade tanto do esportista quanto do equipamento.

O tipo de onda, os ventos e o tipo da maré são variáveis, podendo influenciar diretamente no momento em que esses surfistas forem praticar o esporte.

Além do surf ser um esporte que exige uma grande atenção ou condicionamento, quando está em ação, os surfistas praticamente utilizam todas as capacidades físicas como: equilíbrio, força, resistência, flexibilidade e potência.

Com essa enorme exigência do corpo, muitos cuidados são necessários, principalmente com a sustentação da coluna, por isso, é necessário que esse surfista tenha um grande suporte muscular.

Porém o que nem todos sabem é que o Método Pilates pode ser um grande aliado ao surf, ajudando então esse surfista no momento de adquirir equilíbrio e condicionamento físico.

Sendo assim, confira agora de que maneira o Pilates pode ajudar os surfistas e os benefícios de se praticar o Método junto com esse esporte.

Porque os surfistas devem praticar Pilates?

surfistas-1

Atualmente, no Brasil, o surf tem um expressivo número de praticantes, com aproximadamente 2,7 milhões de surfistas.

Cerca de três em cada dez atletas se queixam de dores nas costas, sendo que as dores lombares estão entre as mais comuns em surfistas.

Estima-se que 90% dos atletas terão ao longo de suas vidas algum tipo de problema na coluna, sendo que em média a grande maioria melhora entre quatro e doze semanas voltando assim a praticar o surf, entretanto o problema pode ficar crônico se não for cuidado.

De acordo com a avaliação da equipe profissional, dentro do Método Pilates pode ser enfatizado o trabalho de mobilidade articular, além da força muscular, já que muitos surfistas apresentam contraturas locais que podem ser aliviadas com esta ênfase.

O que o Método Pilates faz é fortalecer o “core”, uma área do corpo que vai atuar como um cinturão bem forte, capaz de envolver e sustentar toda a coluna. Pense nela bem segura e com mobilidade para frente, para trás, para os lados, fazendo rotações e absorvendo os impactos com segurança.

Os exercícios indispensáveis são aqueles que se aproximam dos movimentos utilizados pelo surfista na água, ou seja, treinos que utilizam grandes instabilidades como: o agachamento em cima da bola, exercícios em cima do Bosu, equilíbrio no rolo, avião, extensões de coluna com rotação, pontes, além de pranchas avançadas, diminuindo as bases de apoio e sobre bases instáveis.

Os alongamentos, em geral, ajudam a manter o equilíbrio muscular.

É comum o surfista sofrer com dores nas costas, problemas nos joelhos e nos ombros. No Pilates pode ser feito um treino de fortalecimento de todos os grupos musculares, especialmente o do core, localizados na região do tronco como falado anteriormente, que nos ajudam a manter a postura.

Na prancha de longboard, uma das preferidas dos praticantes desse esporte, chega a pesar quase dez quilos, ou seja, o fortalecimento muscular através do Pilates também é importante.

Para os atletas de alto rendimento ou em nível de competição, são necessários treinamentos corretos do gesto desportivo e preparação física específica para prática do surf.

Sendo assim, a falta de aptidão física relacionada à inatividade, sobrecarga de treino e atividades complementares, falta de atividades preparatórias antes da pratica do surf são alguns dos fatores que potencializam as chances desses surfistas a futuras alterações posturais.

Além disso, pode-se adaptar a aula de Pilates para o surf para trabalhar possíveis dificuldades ou deficiências, como falta de flexibilidade, força e equilíbrio, ou mesmo melhorar o condicionamento aeróbico.

Benefícios do Pilates para os surfistas

surfistas-2

O Pilates trabalha de várias formas nos praticantes de surf tendo como objetivos e benefícios os citados abaixo:

  • Melhora do equilíbrio
  • Maior agilidade e flexibilidade
  • Alívio das dores na lombar, pescoço e joelhos
  • Fortalecimento dos músculos da coluna, ombros e braços facilitando as remadas
  • Concentração
  • Aumento da flexibilidade
  • Correção de problemas posturais
  • Melhorar a coordenação motora
  • Dissociação de cinturas
  • Alongamento axial
  • Estimulação proprioceptiva
  • Relaxamento muscular
  • Melhorar a capacidade respiratória
  • Aumento da consciência corporal

O Pilates é uma excelente ferramenta para preparação de surfistas que buscam vencer grandes ondas e ter maior estabilidade sobre a prancha e maior força para as remadas.

Os exercícios para os surfistas são voltados para melhoria da estabilidade das articulações e força de músculos profundos dos pés, tornozelos, quadril e lombar que dão equilíbrio e melhoram a capacidade de se manter sobre uma estrutura instável como a prancha por mais tempo.

Nas remadas o Pilates ajuda na sustentação da extensão de coluna e na estabilidade das escápulas, tão importante para manter o peito fora da prancha e garantir maior eficiência dos braços na água.

A ideia é usar dos equipamentos do Método para trabalhar o corpo de uma forma global e única respeitando os limites de cada um.

Analisar a prática do surf e observar as principais deficiências durante cada fase da prática é fundamental para montagem de um sistema de treino adequado, afim de diminuir a incidência de qualquer disfunção que esteja gerando dor, lesão ou diminuição da performance.

Mesmo com um número expressivo de adeptos ao surf, a prática do esporte nem sempre está ligada a um bom condicionamento físico, conhecimento do gesto desportivo e utilização de equipamentos adequados por parte dos surfistas decorrendo daí o surgimento de lesões e consequentemente desconforto corporal e possíveis alterações posturais ou patologias.

Conclusão

surfistas-3

Desenvolver flexibilidade através do Pilates permite aumentar a amplitude de movimento das articulações, diminuindo o risco de lesões musculares e melhorando a performance.

No surf a flexibilidade pode ser melhorada através de exercícios de alongamento dentro de um treino de Pilates específico para esse grupo.

O fortalecimento dos principais grupos musculares corporais através do Pilates, também são importantes, sobretudo aqueles mais exigidos durante a realização do esporte em questão, é imprescindível para a manutenção das boas condições posturais bem como para a prevenção de lesões decorrentes da prática do surf.

Sendo assim, o Método Pilates é uma técnica essencial e recomendada na reabilitação, na pós-reabilitação e também no condicionamento, atuando na prevenção e no próprio treinamento de atletas praticantes de Surf.

Vanessa Cristina

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Alternative text

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *