mindfulness-capa

Entenda a relação entre o Pilates, Mindfulness e Mindful eating

O Pilates é um Método que proporciona diversos benefícios para o ser humano, mas você sabia que ele também tem relação com o Mindfulness e o Mindful eating?

Esses dois componentes, são importantes para manter a nossa saúde física, por isso, associando com o Pilates, o Mindfulness e o Mindful eating podem garantir muitas vantagens para o indivíduo.

Sendo assim, confira agora o que é o Mindfullness e o Mindfull eating, além disso, entenda também a relação desses dois associados com o Pilates.

O que é Mindfulness?

mindfulness-1

O Mindfulness caracteriza-se por um momento de atenção plena naquilo que você está realizando.

Sendo assim, o Mindfulness é responsável por estimular o estado mental com altos níveis de consciência sem a presença de julgamentos ou avaliações,

Esta forma de agir, ajuda o ser humano a ter uma ideia  da importância para cada pensamento, sentimento e sensação corporal, mudando então a maneira de agir, viver, relacionar-se e comer.

Esta estratégia vem ganhando destaque nos últimos anos por conta das pessoas não se aterem aos momentos presentes e, sim em pensamentos automáticos ou sem consciência, principalmente em relação aos comportamentos habituais que não necessitam de um raciocínio complexo para a execução da tarefa.

O que é Mindful eating

mindfulness-2

A maneira com a qual escolhemos os alimentos tem grande influência na nossa saúde física, mental e social.

Além disso, a maneira que comemos os alimentos também contribui para os efeitos positivos ou negativos em nossas vidas.

Sendo assim, o Mindful eating pode ser traduzido como alimentação consciente, ou seja, comer de forma consciente ou comer com plena atenção .

Agir conforme o Mindful eating é estar presente durante as refeições, sentir o que o alimento pode nos proporcionar, sentir a textura do alimento, o sabor, o cheiro e se ater naquele momento apenas na refeição.

As práticas do Mindful eating estão entre as escolhas dos alimentos, o preparo dos mesmos, as combinações entre eles, o impacto que esses alimentos têm no mundo, dentre outros.

Na maioria das vezes, nos deparamos com a correria do dia-a-dia e comemos o que tem pela frente, distraídos com o celular, dirigindo ou no computador, sem nem ao menos prestar atenção no que o nosso corpo tem a nos dizer.

Quando não conhecemos esses sentidos, nós podemos trazer prejuízos à nossa saúde física, mental e social devido às escolhas imediatas que fazemos.

A falta de atenção no que comemos envolvem a praticidade, a conveniência, o prazer e o sabor.

Desta forma, damos maior preferência por alimentos altamente palatáveis que compreendem o grupo de alimentos ultraprocessados (industrializados), do que alimentos mais saudáveis que são as frutas, as hortaliças e os cereais integrais por exemplo.

Pensando de forma Mindful eating

O sistema alimentar atual depende de recursos naturais que se encontram completamente comprometidos devido às nossas escolhas, como a escassez e a poluição da água, a degradação do solo e o impacto na biodiversidade.

O Mindful eating nos leva a pensar nas consequências de nossas escolhas que podem prejudicar um grupo de pessoas expostas ao agrotóxico por exemplo, ou até mesmo nas condições de vida nos animais.

Quando você opta por alimentos com agrotóxicos, você não leva em consideração o fato de que a planta foi sujeita a um veneno, desrespeitando a natureza e nas condições de trabalho dos agricultores expostos a este químico.

Outro exemplo é o caso dos animais: o consumo excessivo de carne vermelha nos dias atuais, envolvem uma quantidade exorbitante de água para sustentar a pecuária além das condições precárias de saúde dos animais.

Já o milho por ter baixo custo de produção, se tornou uma excelente matéria-prima para o desenvolvimento de uma variedade de produtos (alimentícios ou não).

No milho, encontramos grande quantidade de amido, no qual derivam outros ingredientes como xarope de milho rico em frutose, a maltodextrina, diglicerídeos, ácido ascórbico e outros ingredientes obscuros das comidas processadas.

Para a produção destes alimentos, também há uma grande quantidade de água para irrigação do solo, além de ser uma monocultura que favorece a desertificação do solo.

Sendo assim, as suas escolhas têm forte influência no meio em que vivemos, por isso é importante que você faça escolhas conscientes, comendo de forma consciente!

A relação do Pilates com o Mindfulness      

mindfulness-3

A relação do Mindfulness com o Pilates se dá por meio de estratégias comportamentais que levam à melhora da percepção e tolerância em lidar com emoções, experiências negativas e estado de ansiedade.

Estratégias que utilizam exercícios relacionados à postura com esforços leves, faz com que você preste mais atenção na sua própria respiração facilitando o foco e atenção voltados para o momento presente.

Podemos observar que o Método Pilates, embora tenha sido criado no início do século passado, tem ampla relação com o Mindfulness.

Joseph Pilates dizia: “É estar presente, concentrado e não distraído. É a mente que esculpe o corpo”, o que nos sugere que é necessário estar totalmente presente no agora durante a prática do método.

Durante uma sessão de Pilates, a atenção à respiração, ativação muscular e alinhamento do corpo, nos levam à melhora da percepção e tolerância em lidar com emoções, experiências negativas e estado de ansiedade.

O objetivo do Mindfulness é nos libertar do padrão de respostas automáticas que estamos acostumados e viver uma vida mais atenta e presente naquilo que estamos fazendo no momento.

Isto faz com que fiquemos mais atentos e conscientes dos hábitos que determinam nossa maneira de se comportar e de se relacionar com o mundo.

A relação entre o Pilates e o Mindful eating

mindfulness-4

Os exercícios físicos trazem inúmeros benefícios para quem os pratica, tanto do ponto de vista metabólico como social, físico e psicológico.

Sendo assim, os exercícios físicos podem ser considerados uma forma de lazer e de promoção da saúde.

Segundo a fisioterapeuta e instrutora de Pilates Roberta Bueno de Souza, o Pilates é um método que trabalha a conexão corpo-mente a partir de movimentos que combinam tanto fortalecimento quanto o alongamento, integrando as diversas partes do corpo.

Cada movimento está sempre associado a um padrão respiratório específico que permite que o praticante do Método desenvolva gradativamente o controle de seu próprio corpo, a partir do despertar da sua musculatura mais profunda.

O Método pode ser vivenciado através de duas modalidades: solo e equipamento, onde sua prática regular garante além da melhora da força, alongamento e mobilidade, o aguçar da percepção corporal tornando o praticante mais autônomo e funcional no seu dia a dia, contribuindo então para a melhora de sua qualidade de vida e bem-estar.

Uma alimentação equilibrada é a chave para adquirir uma vida saudável tanto para os praticantes de Pilates, quanto para a população em geral.

Para que o objetivo do treinamento seja alcançado, é necessária uma alimentação adequada visando à melhora do rendimento e à promoção da saúde.

Portanto, o Mindful eating está intimamente ligada aos exercícios de Pilates e influencia na sensação de prazer e bem-estar.

Por isso o Mindful eating é muito importante ao praticar Pilates.

Conclusão:

mindfulness-5

Pensando na filosofia do Mindfulness e a sua inter-relação com a prática do Pilates que contribui para diversos benefícios como: a melhora da consciência corporal, respiração e postura, podemos citar também o “estar presente”.

Isso acontece a partir das técnicas de movimentos que trabalham coordenação da mente, corpo e espírito.

A relação direta entre o “estar presente” no exercício e ter consciência plena da sua alimentação (que é o que ocorre quando você usa a técnica do Mindful eating), garante benefícios tanto do ponto de vista nutricional como ambiental.

Ser saudável é ter visão da totalidade e do quanto você está conectado consigo e com o mundo.

Rafaella-Guimarães..

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>