1x0kvs4i

O desejo e a conquista de um corpo saudável

Todos sabem que atividade física faz bem à saúde do corpo e da mente. Poucos, no entanto, conhecem o valor das conquistas que podemos atingir por meio do movimento. E aqui não estamos falando simplesmente do exercício físico. Há vários aspectos a serem analisados na palavra movimento.

Um dos mais interessantes que trago para conversar é o desejo. É preciso desejar sair de casa para se movimentar e isso já é uma conquista. De acordo com Freud, o desejo é movimento e maior  propulsor do que queremos realizar. O desejo nos impulsiona, quer seja pelo gostar, pela necessidade ou simplesmente pela tomada de consciência de que nos faz um bem enorme. Vencemos a inércia e buscamos o movimento.

A tomada de consciência sobre o bem que faz o movimento leva a uma nova conquista, a de um envelhecer saudável.

Estas disfunções e lesões também podem ser encaradas como desafios para novas conquistas. Tudo para que possamos manter ao longo da vida a autonomia desse corpo,  a independência e a qualidade de vida. Devemos cuidar de nossa vida orgânica humana com muito carinho, pois sem ela não há possibilidade de expressão, não há qualidade de vida ou, melhor dizendo, não há vida.

É impossível falar em conquistas sem pensar em luta. É evidente que precisamos lutar para vencer uma batalha e isso exige esforço, dedicação, paciência, garra e sabedoria. Muitas vezes podemos até pensar em desistir no meio do caminho. Mas este é justamente o momento de darmos a volta por cima: se ainda não conquistamos algo é porque não lutamos o suficiente ou ainda não é o tempo certo.

Conquistar um corpo saudável, equilibrado e com energia para o movimento, é o nosso objetivo. Alvo de alegria e satisfação, essa grande conquista merece ser comemorada. Quanto maiores os desafios, maiores serão as conquistas.

Se não pudermos nos livrar de alguns problemas ou sintomas, podemos aprender a lidar melhor com eles e fazer disso uma mola propulsora para termos mais sabedoria e qualidade dentro de nossas possibilidades. Não esqueçamos, porém, que o desejo associado ao esforço e à disciplina nos leva sempre além.

Amélia Reis
Terapeuta corporal com formação nos métodos Pilates, Especializada em Pedagogia e Educação Física, Equilibração Corporal e Psicomotrocidade.

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Alternative text

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>