bzk3mcxr

Pilates potencializa desempenho esportivo

Quando se fala em treinamento de força, para a grande maioria das pessoas, a primeira ideia que vem à cabeça é a musculação. Isso só acontece devido à popularidade e aos bons resultados conseguidos através da prática dessa modalidade.

Corredores que incluem o treinamento de força em sua programação de treinos ao longo de toda sua preparação anual, obterão vários benefícios que serão decisivos para o seu rendimento. Podemos citar a economia de energia; aumento do ritmo da corrida; melhora a eficiência na técnica; aumento da tolerância ao esforço; prevenção de lesões; prevenção do desequilíbrio muscular e ajuda na absorção ou redução do impacto.

O que muitos não sabem é que o Pilates pode ser incluído no treinamento desses atletas, tanto para potencializar o desempenho esportivo, como para prevenir lesões e problemas musculares associados à corrida.

Pilates = Correção e manutenção da postura

Um dos pontos de maior ênfase no trabalho com o método Pilates é o fortalecimento do core, musculatura responsável pela sustentação da coluna.

Sendo devidamente trabalhado e fortalecido, faz com que o atleta tenha um melhor controle sobre a mecânica da corrida, corrige ou melhora a postura geral e garante melhor execução dos movimentos, o que leva à economia energética durante a atividade, promovendo desta forma, uma melhor recuperação no pós-treino.

Independentemente da categoria escolhida para se alcançar esses benefícios – a musculação ou o Pilates – todo corredor deve acrescentar aos seus treinos de corrida pelo menos uma modalidade de treinamento de força, para que melhore sua performance, de forma segura e saudável. Lembrando que qualquer prática de exercício físico deve ser orientada por um profissional especializado.

Geraldo Alo
Fisioterapeuta (Crefito 131810F)
Especializado no Método Pilates (fitness e reabilitação)

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>