2014_02_0061-melina-Site

Pilates e os problemas posturais

A prática de exercícios deve ser prioridade para evitar futuros problemas posturais.  Pessoas que trabalham horas na frente do computador, em posição de flexão torácica, podem sofrer as consequências por se manterem muito tempo na mesma posição.

O Pilates pode ser uma ótima escolha de atividade física. Além de trabalhar força, alongamento, coordenação motora e equilíbrio, irá desenvolver a percepção e a consciência corporal.

Exercícios que trabalham o grupo dos eretores da coluna são fundamentais para fortalecer essa musculatura que, muitas vezes, está fraca e alongada. Além deste objetivo principal, a extensão da coluna promove também o alongamento da musculatura do peitoral e trabalha excentricamente os abdominais.

Este é um ponto importantíssimo que deve ser enfatizado durante os movimentos para propiciar maior suporte para a região da coluna lombar.

O nado peito e o mergulho do cisne são bons exemplos de exercícios que trabalham o fortalecimento desta musculatura de forma progressiva.

O primeiro foca essencialmente na porção superior da torácica e no alinhamento da cervical, segmento este que também fica sobrecarregado com a má postura.

Já o segundo exercício tem como objetivo trabalhar a extensão da coluna de forma harmônica e uniforme entre a coluna lombar, torácica e cervical.

O exercício mergulho do cisne pode ser feito em vários equipamentos, aumentando ou diminuindo o grau de amplitude de extensão, favorecendo todos os tipos posturais.

Tenha certeza que durante a aula de Pilates este trabalho foi englobado para que os alunos tenham o máximo de benefícios que a técnica pode oferecer.

Melina Caleffi
Treinadora Internacional STOTT Pilates

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

8 thoughts on “Pilates e os problemas posturais”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>