2014_02_0061-Circunferencia-abnominal-Site

Pilates x Circunferência abdominal

Uma das lutas incessantes de quem busca melhorar a silhueta corporal é diminuir a circunferência abdominal. Além de representar um problema estético, quando está a cima dos valores normais, é associada a alguns problemas cardiovasculares e metabólicos, e até mesmo ao desenvolvimento de dor lombar e degeneração dos discos intervertebrais. O limite de normalidade é de até 94 centímetros para homens, e 80 cm para mulheres.

A barriga indesejada é resultado de diversos fatores, tais como sedentarismo, alimentação inadequada e postura desalinhada. Para combatê-la, é indispensável ter uma alimentação saudável e exercitar-se regularmente. O método Pilates constitui uma ótima opção de exercício físico para melhora do contorno corporal.

O uso do Pilates como forma de condicionamento físico aumentou de forma expressiva nos últimos 10 anos. O método tem como princípio fundamental a ativação do centro de força durante os exercícios, o que abrange um conjunto de músculos situados entre a caixa torácica e a pelve, que formam uma estrutura de suporte, responsável pela sustentação da coluna e órgãos internos.

A musculatura da parede abdominal, integrante deste centro de força, tem um importante papel no equilíbrio da região lombar e da pelve. O transverso abdominal, músculo abdominal mais profundo, reveste as paredes laterais, anterior e posterior do abdome, agindo como uma espécie de cinta que contém as vísceras, e que, quando bem trabalhado, atua na diminuição da circunferência abdominal.

Na existência de uma hipotonia ou fraqueza abdominal, essa musculatura não desempenha o papel de forma satisfatória, induzindo uma atitude postural desequilibrada e uma predisposição a flacidez e protusão abdominal.

Em uma aula de Pilates, durante a execução de qualquer movimento, mesmo ele sendo para membros superiores, por exemplo, a musculatura abdominal deve permanecer ativada para estabilizar o corpo, o que gera um trabalho associado de abdome, de forma indireta. Ou seja, independente do exercício realizado, o abdome deve estar contraído.

Desta forma, o método Pilates é eficaz para trabalhar a força e a resistência da musculatura do centro do corpo, e auxiliar para a diminuição da circunferência abdominal. Com a musculatura abdominal bem tonificada, ocorre a compressão eficaz das vísceras, impedindo que ocorra o deslocamento para frente e isto contribui para a protusão abdominal.

Bruna Krawczyk (CREFITO 104297)
Fisioterapeuta e Instrutora de Pilates

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Alternative text

9 thoughts on “Pilates x Circunferência abdominal”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>