Pilates ajuda a alongar os músculos?

alongamento-artigo-revista-pilates

 

Hoje trouxemos um artigo bem interessante da revista Pilates Style sobre alongamento, escrito pelo especialista Rael Isacowitz, reconhecido internacionalmente e atuante na área de Pilates há 30 anos. Será que o Pilates aumenta o comprimento dos músculos? O artigo é de outubro de 2013. Olha só:

 

“Existem muitos mitos relacionados ao alongamento dos músculos. Na verdade, existem bem mais mitos quando se trata do Pilates em geral: praticando você vai ficar com um corpo de bailarino, magro e longilíneo, ou até crescer em altura (tendo feito Pilates por 35 anos, se fosse verdade, certamente eu já teria ultrapassado meus modestos 1,68m!). Possivelmente, as histórias de pessoas ficando mais altas, longilíneas e magras depois de apenas algumas aulas de Pilates devem servir para alguma coisa, mas pessoalmente, eu ainda tenho que descobrir o que é. Em geral, acredito que elas levem os professores ao fracasso, pois provavelmente ficaremos aquém dessas expectativas.

Um músculo pode se alongar como uma flex band, mas vai voltar ao seu estado anterior quando o alongamento acabar. Um músculo pode ganhar flexibilidade, mas somente até certo ponto. Esse ponto é o comprimento natural do seu músculo. A flexibilidade, em termos gerais, está relacionada a diversos fatores, como estrutura das articulações, flacidez dos tecidos e, o mais importante, os genes. Sua composição genética é, de longe, o fator que mais influencia no comprimento e na flexibilidade dos músculos. É verdade que certos tipos de atividade física, como o Pilates, têm um grande repertório de movimento e alongamento dos músculos. Isso se deve, em parte, à coreografia dos exercícios e ao foco em todas as fases do movimento (contraindo o músculo enquanto ele está alongando e o ângulo da articulação está aumentando).

Os genes determinam o comprimento dos seus músculos. Porém, ao longo do tempo, eles podem ficar encurtados, e acredito que o alongamento, integrado a uma atividade de movimento como o Pilates, é importante para a manutenção de um movimento funcional e um saudável.  Além disso, a tensão que se desenvolve no nosso corpo geralmente está relacionada a desvios de postura e hábitos de movimento negativos. O alongamento é essencial para superar esses problemas, que podem levar ao desconforto, dor, tensão e até lesões.

Voltando à pergunta original: nem o Pilates, nem qualquer outro método de exercício, vai aumentar um músculo além do seu comprimento normal, porém, vai alongá-lo se o músculo estiver encurtado. Talvez tudo seja uma questão de semântica. O músculo irá prolongar à medida que você exercita, mas não vai crescer em comprimento, ou seja, você não vai ter um músculo mais longo do que o seu natural. O mesmo acontece com a altura; com certeza o Pilates pode te ensinar a se posicionar de outra forma e melhorar a postura, mas o corpo não vai ficar mais alto na medida absoluta. Eu não vou chegar ao meu humilde objetivo de atingir 1,75m de altura. Vou manter meus 1,68!”.

 

E aí, o que você acha? Deixe a sua opinião nos comentários!

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Alternative text

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>