Ensinando o Pilates para as crianças

dia-das-criancas-revista-pilatesQuem disse que não dá para se divertir e aproveitar os benefícios do Pilates ao mesmo tempo? As crianças também ganham muito com a prática do Pilates. Os principais benefícios da atividade para os pimpolhos são o trabalho da concentração e a correção da postura, minimizando os efeitos dos maus hábitos diários. Eles também conseguem dormir melhor e ter mais disposição, além de estarem mais conscientes do seu corpo.

Kyria Sabin, uma famosa instrutora americana, escreveu um artigo para a revista Pilates Style deste mês sobre os desafios de ensinar o Pilates para as crianças. Na matéria, ela conta como foi difícil atrair a atenção de sua filha, de 12 anos. Ela precisou surpreendê-la e desafiá-la com movimentos diferentes. “A chave é assumir simultaneamente os papeis do instrutor firme, do amigo leal e do animador de festa. A maioria das crianças não é motivada pelo fato de que o Pilates é bom para ser um adulto saudável. Elas precisam de explicações mais diretas sobre como o Pilates pode ajudá-los agora”, explica Kyria.

Por isso, as aulas com crianças precisam ligar os exercícios com o mundo em que elas vivem, fazendo com que elas percebam os benefícios de uma boa postura, da concentração e da respiração correta no dia a dia. A concentração e disciplina exigidas no Pilates podem ajudá-las a desenvolver habilidades mentais que podem ser aplicadas aos estudos, por exemplo.

Lá nos Estados Unidos, O Pilates já tem espaço dentro das escolas. A instrutora diz que aulas leves e com a interação entre os alunos mantêm a classe envolvida. Movimentos como o Spine Stretch, por exemplo, podem ser trabalhados com eles sentados, um de costas para o outro, encostados na parede ou de lado para o espelho, com a ajuda de uma bola.

Esse tipo de acessório, como bolas, discos de rotação, rolos e a meia lua, desperta e estimula as crianças. Para os adolescentes, cuja concentração é maior, ensinar novos exercícios em formato de workshop vai permitir que eles observem os movimentos em diferentes alunos e façam perguntas. “É claro que cada idade tem necessidades de aprendizagem diferentes. Também existem variações de desenvolvimento em crianças da mesma idade. Por isso o ideal é fazer aulas em pequenos grupos semelhantes. Descobrindo o potencial e a flexibilidade do próprio corpo eles aprendem rápido e se divertem”, afirma Kyria.

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

3 thoughts on “Ensinando o Pilates para as crianças”

  1. Olha dou aula pra criança e para o próximo ano vou abrir pilates infantil, adoraria receber mais matéria e fotos pra fazer minha propaganda. obrigada. Tenho convicção que só trará benefícios e ajudará muito no desenvolvimento motor.

  2. Oi Maria! Olha que coincidência, agorinha vamos postar uma matéria sobre o Pilates para crianças! Fique ligada.

    Abraços!

  3. tambem vou usar a ideia para implantar na minha escola, obrigado pelas materias. Abraços…..

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>