Diabetes, e agora?

Por Saulo Ouverney

Instrutor Certificado STOTT PILATES ™

 

Sempre escutamos falar da importância da atividade física para indivíduos portadores do diabetes. Será que a prática do Método Pilates pode também ajudar na manutenção dessa desordem metabólica?

O Diabetes Mellitus é uma doença metabólica caracterizada por um aumento anormal do açúcar ou glicose no sangue. Nossa principal fonte de energia é a glicose, porém, quando em excesso, pode trazer algumas complicações a saúde, quando não tratada de forma adequada, tais como:

• Ataque cardíaco;

• Derrame cerebral;

• Problemas na visão;

• Problemas renais;

• Lesões de difícil cicatrização (até mesmo a amputação de membros pode ocorrer).

 

Fonte: idealfarma.com.br

Estudo divulgado na revista The New England Journal of Medicine, indicou que a combinação de regime alimentar e exercícios físicos é mais eficaz que os medicamentos no tratamento da forma mais comum desta patologia.

Poucos conheciam o Pilates há alguns anos atrás mas, atualmente, com a popularização da técnica, efeitos na melhora do condicionamento, da força e resistência muscular, na melhor mobilidade das articulações e sem falar do bem estar e manutenção da boa postura foram notados e, com isso, especialistas começaram a indicar a prática para portadores do Diabetes.

Portanto, podemos concluir que em um bom e eficiente treino de Pilates, com instrutores qualificados em uma formação respeitada no mercado, trabalho eficaz à conscientização dos movimentos, aos princípios básicos do método e a individualidade na prescrição dos exercícios de cada cliente será, sem dúvida, uma excelente opção para amenizar os efeitos colaterais desta patologia.

Pratique atividades físicas com regularidade e esteja sempre em dia com sua saúde!

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

One thought on “Diabetes, e agora?”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>