Dicas para quem tem Escoliose

Fernanda Misquevis Eleutério SIlva
Fisioterapeuta em formação STOTT PILATES
COORDENADORA DE CURSOS Pilates StudioFit/METALIFE

A escoliose é uma deformidade da coluna vertebral em forma de “C” ou “S”, entretanto existem outros desvios da coluna que podem estar associados, como a rotação vertebral, cifose torácica e lordose lombar e/ou cervical. Esta deformidade pode ser causada por inúmeras doenças e que analisada quanto a sua flexibilidade se divide em não-estruturais ou corrigíveis com a eliminação da causa, e estruturais ou permanentes.

É comum as crianças desenvolverem algum tipo de desvio na coluna, porém, dores são mais comuns na fase adulta, principalmente se não forem adotados hábitos e tratamentos adequados. Mudar os hábitos e incluir exercícios físicos entre as atividades de rotina ajudam a amenizar esse problema e evitar dores.

Veja abaixo alguns problemas posturais:

-Praticante que trabalha em frente ao computador;
-Quando o praticante permanece por horas no trânsito, com o banco ajustado inadequadamente para uma postura correta;
-Quem suporta muito peso nas costas (em bolsas ou mochilas cheias).

Esses definitivamente são hábitos que podem agravar o desenvolvimento de escoliose! Por tanto se você se encaixa em um dos perfis acima citados, procure mudar sua rotina postural. Todos os exercícios que estimulam, igualmente, os dois lados do corpo auxiliam no tratamento e na prevenção da escoliose, como: natação, ioga, Pilates, caminhada, corrida, hidroginástica e, em alguns casos, a musculação.

No geral, o que todas essas atividades simétricas fazem é ajudar a evitar uma piora da escoliose.

O Pilates trabalha o corpo de uma forma global, enfatizando os princípios básicos, dentre eles: respiração, posicionamento da pelve, posicionamento da caixa torácica, movimentação e estabilização da cintura escapular e posicionamento da cabeça e coluna cervical. Trazendo essa consciência ao praticante, fará com que se habitue a posturas mais adequadas no seu dia-a-dia, aliviando dores nas costas e amenizando o desvio da escoliose.

ATENÇÃO: Todos as atividades físicas trazem benefícios aos seus praticantes, porém alguns podem ser prejudiciais se forem praticados sem orientação, sendo estes:

-Handball, tênis, basquete e outros exercícios que exigem muito mais um lado do corpo do que o outro ocupam os últimos lugares da lista. Nada impede que esses esportes sejam praticados, mas é ideal pedir aconselhamento de um profissional para evitar dores pelo corpo.

Dicas para o dia-a-dia do praticante de atividade com escoliose:
-Atenção na postura em que você fica durante o seu trabalho, se ficar sentado, alinha-se, mantenha sua postura alinhada e de forma que não tencione os músculos, principalmente, cervicais e lombares;
-Tenha cuidado ao carregar pesos, levante os pesos de forma correta, e tente carregá-los divididos entre os lados, caso isso não seja possível reveze entre os ombros e/ou braços;
-Use calçados adequados no seu dia a dia e quando for realizar alguma atividade física use obrigatoriamente tênis;
-Sempre respeite as limitações do seu corpo, principalmente em caso de dores;
-Pratique atividade física e siga a orientação de um profissional qualificado, não tente fazer um treino ou tratamento sozinho, isso poderá ser muito prejudicial ao seu bem estar e saúde física de seu corpo.

 

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

7 thoughts on “Dicas para quem tem Escoliose”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>