O método Pilates como mais uma opção no tratamento da Labirintite

Foto: Pilates Studio Fit

O método Pilates é benéfico para o tratamento da labirintite, pois o fortalecimento dos tornozelos e quadris, paralelo ao trabalho de equilíbrio e proprioceptivos podem ajudá-lo a manter-se equilibrado até que sua inflamação do ouvido interno recue.

O componente de conexão mente-corpo com a prática do pilates aumenta o seu bem-estar, especialmente importante se você está lidando com depressão e estresse, bem como os efeitos físicos da doença.Os exercícios de equilíbrio que exigem que você caminhe em linha reta, em uma perna o seu sistema vestibular compensar suas deficiências.

Outros fatores importantes para o equilíbrio. O interior do ouvido não é a única fonte de informações para ajudá-lo equilíbrio. Você também recebe informações:

• Dos olhos – você pode ver o caminho fazer o movimento e escolher em que direção ir.

• As solas de seus pés (se você estiver em pé) ou as pernas (se você estiver sentado). Você pode sentir onde você está.

• Todas as suas articulações e músculos – inclusive as articulações do pescoço, costas, pernas, pés, braços e mãos – têm órgãos dos sentidos neles que enviam sinais dos nervos e da coluna, dizendo ao cérebro que posição está dentro. Você não precisa olhar para ver se seus braços estão estendidos ou ao seu lado – eles dizem onde estão. Esta posição de senso é conhecida como propriocepção. Propriocepção é reduzida em várias condições médicas, incluindo artrite e diabetes.

Se há uma abundância de informações provenientes dos olhos, pele e articulações, você realmente não precisa confiar em informações do ouvido interno para ajudar você a equilibrar.

Se a informação proveniente de outras fontes é reduzida, perdido ou confuso – por exemplo, no escuro, em terreno macio ou irregular – o cérebro precisa confiar mais nas informações provenientes do ouvido interno.

É por isso que o seu saldo será pior no escuro, em terreno macio ou irregular, se você tiver um problema com o ouvido interno.

Então é ai que entra os benefícios do pilates no tratamento da labirintite com:

 

Exercícios proprioceptivos;

Exercícios de equilíbrio;

Exercícios de coordenação motora;

Exercícios de força e flexibilidade;

Exercícios de relaxamento.

 

Durante a crise vá para um lugar ventilado e não se deite. Fique sentada, de olhos abertos, olhando para um ponto fixo na parede. Assim que a tontura melhorar, procure um médico. E lembre-se: labirintite não causa desmaios.

A doença é de difícil controle, ainda assim é possível viver sem tontura. Com o tratamento adequado o médico especialista (otorrinolaringologista) tem condições de melhorar muito seus sintomas, obtendo a cura clínica da doença.

 

Fonte:  Pilates Daniela Costa

 

Compartilhe essa página com seus amigos, alunos e professores nos lins abaixo:

 

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Alternative text

4 thoughts on “O método Pilates como mais uma opção no tratamento da Labirintite”

  1. Eu tive uma crise fortíssima e meu filho me segurou forte e após a medicação emergencial, a médica me sugeriu que deitasse no chão para evitar uma queda se percebesse nova crise e que após 15 minutos a tontura passa. Faço pilates, mas não sabia dos efeitos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>