Pilates, uma atividade que dá resultado

Foto: Pilates Studio Fit

Criança, adulto, idoso. Todos podem fazer a ginástica que fortalece o abômen e os músculos, conferindo mais resistência e disposição para os praticantes.

 

” Senti mais resistência, mais força muscular, mais disposição. Gostei ”. A afirmação é da Nair de Souza Amaral, recém adepta do Pilates. Com apenas alguns meses de prática ela já sentiu os benefícios relatados. Melhora sentida não apenas por ela, mas também observada pelos filhos e o marido: “Eles falam que estou bem mais disposta”, diz Nair.

E muitos são os praticantes de Pilates que elogiam a atividade. José Carlos diz que tem um corpo novo. Ana fala que sentia dores nas costas e hoje não tem mais esse incômodo. Nair tem mais resistência inclusive para as caminhadas que faz rotineiramente. Todos têm em comum, com certeza, uma postura corporal melhor, propiciada pela atividade.

Para Ricardo Cortinove, coordenador de Esportes de uma Associação, o Pilates é uma atividade que traz resultados rápidos para qualquer pessoa, independente do nível de condicionamento físico. “Esse método pode trazer inúmeros benefícios à saúde, tanto no condicionamento dos músculos, tonificando-os e tornando-os mais fortes, quanto na parte estética”, diz. Ricardo comenta que o foco da atividade é a promoção da saúde como um todo, com exercícios que trazem a melhora da postura. Tudo conseguido com movimentos fluentes, feitos sem pressa e com o controle necessário para evitar o estresse.

Segundo as professoras Maria Elisa Kostrzewa, Ana Carolina Bemvenutti, Samia Santos Souza e Deborah Getter, o Pilates não tem restrições, até para aqueles que precisam melhorar a coordenação motora, que não tiveram estímulo na infância. “Indico Pilates também para as pessoas que são ansiosas, para as que estão há muito tempo paradas, sem atividade física”, diz Deborah, explicando que a atividade ajuda nesse sentido porque alia respiração e concentração. Ela costuma incentivar os alunos a um procedimento que não tem erro: “Com dez aulas você notará diferença no seu corpo. Com 20, os outros notarão. Com 30, terá um corpo novo”.

E é importante que o aluno seja disciplinado, que frequente com assiduidade as aulas. Esse “levar a sério” alertado por Deborah é reforçado pela professora Ana Carolina. “Pilates é qualidade de vida, uma modalidade que, se levada a sério, dá resultado”, afirma. Ela comenta que se precisasse daria aulas de Pilates o dia todo, por ser gratificante ver alunos que antes reclamavam de dor nas costas, de gente que relatava dores causadas por escoliose na coluna, e que melhoraram a partir da prática da ginástica. A atividade confere alívio de dores na coluna, pelo fortalecimento abdominal (todos os movimentos devem ser feitos necessariamente com o abdômen contraído). E mais do que isso, propicia uma trabalho equilibrado, que respeita os limites do praticante que vai evoluindo com o passar das aulas. “É muito gratificante ver esses resultados tão positivos nas pessoas”, enfatiza Ana. Ela acrescenta, aos benefícios da condição respiratória, postural e resistência muscular, também a flexibilidade corporal.

 

Fonte: Asufepar

 

Compartilhe essa página com seus amigos, alunos e professores nos links abaixo:

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

One thought on “Pilates, uma atividade que dá resultado”

  1. Pratico pilates a cinco anos foi indicado pelo medico reumatologista e ortopedista tenho rara doença na coluna espondilite anquilosante solidificação das vertebras devido antigeno no sangue, mas graças a deus e as indicações nao sinto muitas dores somente desconforto para caminhar ou ficar muito tempo parado no mesmo lucar mesmo sentado ou deitado mas meu movimento muito mudou minha postura e minha musculatura ficou mais forte eo que carrega minha parte ossea principalmente a coluna que perdeu a mobilidade, por isso acho que o pilates para mim foi um grande achado. grato a todos que me indicaram a aos meus mestres em pilates.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>