Pilates e as Mulheres

Por Priscila Guimarães

 

Foto: Pilates Studio Fit

Quase todos os meses, alguma revista de moda, saúde, beleza ou até mesmo no jornal, é publicada alguma matéria sobre a transformação do corpo feminino através da prática de Pilates.

Mas o Pilates deixa de fato o corpo da mulher mais bonito?

A resposta é Sim! O Pilates traz inúmeros benefícios para a saúde feminina e em decorrência ele define o corpo da mulher, deixando-o firme, alongado e harmonioso.

Mas como?

O Pilates exige muito do abdome, atingindo os músculos profundos e artificias deste, alisando a barriga. Com isso, a silhueta se redefine, melhorando a postura, já que temos a “abertura” das costas , do peitoral, a cintura afina e delineia, pois ganhamos também o fortalecimento dos músculos dorsais. Crescemos em nossa postura.

Ocorre também o fortalecimento e o alongamento dos músculos, recriando o desenho natural do corpo ficando desenhado, equilibrado, forte. Por isso observamos os braços, costas e pernas desenhadas, com os músculos visíveis mas não hipertrofiados, e sim alongados.

Devemos lembrar ainda que, com a fase adulta, o corpo feminino começa a reduzir a produção de progesterona e essa redução está também relacionada com o aumento da gordura visceral, além de outros fatores, como genética etc. A gordura visceral é aquela gordura chata que se instala em nossa barriga e flancos. Apelidamos de “pochete”. Ela é a última à deixar nosso corpo após a prática regular de atividade física e da adoção de uma alimentação mais saudável.

A mulher sofre com essa gordura mais do que os homens e o Pilates como trabalha o centro do corpo através da contração abdominal, a consequência é a diminuição visível da gordura .

 

Fonte: Santo Corpo

 

Compartilhe essa página com seus amigos nos links abaixo:

 

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Alternative text

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>