Educação continuada: Aprimorando o mercado de Pilates

Há 3 anos nascia o blog Revista Pilates. Sem pretensão de criar o que o blog representa hoje – uma das revistas on line de Pilates mais acessadas do mundo – o Revista surgiu para educar, comunicar e compartilhar informações.

Depois do “Revista”, o ponto de partida (e de virada!), outros sites pautados na idéia de “informar para formar” vieram.

Quando uma empresa acredita no potencial de seu mercado e no diferencial que só ela pode oferecer, ela não poupa esforços para informar esse mercado, aprimorar o conhecimento do público e assim oferecer parâmetros para a escolha do consumidor.

Educar é também uma forma de empreender. Levar informação diversificada ao grande público é o primeiro passo para uma comunicação transparente e imparcial.

No blog Revista Pilates, você pode pesquisar os mais variados assuntos relacionados a Pilates, ler artigos, matérias, conferir fotos e vídeos e participar expondo seu comentário.

Aproveitando o exemplo do Revista Pilates, vejamos outro produto voltado para o mercado de pilates: o site Negócio Pilates. O site foi inteiramente desenvolvido para informar, orientar e esclarecer dúvidas de interessados em abrir um estúdio ou que já abriram e querem aprimorar os serviços prestados. Desta maneira, o Negócio Pilates estimula também uma competição sadia entre os estúdios, pois cada um vai querer colocar em prática as dicas do site, para ser o melhor. Com isso, praticantes e profissionais só tem a ganhar: o mercado se qualifica.

O site Negócio Pilates é voltado para a pessoa que já possui um estúdio ou deseja abrir um. Neste site, encontra-se várias dicas de empreendedorismo, como estruturar seu negócio, como captar clientes, como programar e cobrar aulas, etc.

Pensando assim é que a Metalife Pilates vem ganhando o respeito do mercado. A empresa é responsável por uma verdadeira “editora” de conteúdo, que através dos mais diversos canais on line, informa profissionais, investidores, praticantes, estudantes e demais entusiastas do Pilates.

Para tudo isso acontecer, a empresa investe em profissionais com uma única missão: buscar e repassar conhecimento. Enquanto centenas de equipamentos são produzidos no chão de fábrica, outra centena de informação é pesquisada e compartilhada com o mesmo mercado que vai, futuramente, consumir os equipamentos fabricados.

Com o site Classificados Pilates, os profissionais que desejam trabalhar ou tem disponível uma vaga de emprego em seu estúdio podem anunciar gratuitamente através do site, além de poder vender e comprar equipamentos semi-novos de Pilates.

Ainda há o site Arte Pilates, onde é possível adquirir imagens exclusivas para decorar o estúdio, a casa, ilustrar um folder…o que a imaginação do cliente permitir.

Além das redes sociais, orkut, facebook, twitter, à disposição 24 horas por dia para troca de idéias, questionamentos, sugestões, comentários, enfim, opiniões livres do consumidor.

Estimular o acesso à informação para educar o mercado é a melhor maneira de formar um mercado qualificado. Por pensar e agir assim, a Metalife Pilates se tornou a maior empresa de Pilates da América Latina oferecendo qualidade em equipamentos, qualidade em informação e sobretudo, profissionalismo e verdade em Pilates.

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

One thought on “Educação continuada: Aprimorando o mercado de Pilates”

  1. É inegavel a contribuição da Revista para o negocio Pilates como um todo. Basta ver a quantidade e qualidade dos seguidores no Twitter e o volume de acessos no site nesses treis anos. Acesso o site pelo menos uma vez por dia e já me beneficiei disso algumas vezes, lendo artigos de profissionais do Pilates, que me ajudam a aprimorar a pratica e a entender melhor os objetivos e a dinamica dos exercicios. Continuem nesse caminho, voces estão de parabéns.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>