Pilates: a importância da orientação profissional na prática de exercícios

Pilates e a importância do acompanhamento profissional na prática de exercícios  

Para praticar qualquer tipo de atividade, desde uma simples caminhada até à pratica profissional do esporte, o melhor a fazer é buscar um exercício orientado.

Para iniciarmos qualquer tipo de exercício físico, devemos saber se o corpo está apto a tal pratica. Cada tipo de exercício exige de forma diferente das estruturas do corpo. Alguns sobrecarregam mais o sistema cardio-respiratório do que outros, por exemplo. Neste caso o praticante precisa ter certeza de que não possui um problema que possa ser agravado pela prática desse exercício.

Por isso, antes de iniciar qualquer tipo de atividade física é importante a pessoa saber como está o seu corpo. Para isso existem os profissionais da saúde , capazes de diagnosticar qualquer anormalidade e até mesmo orientar qual o tipo de exercício mais benéfico para cada individuo.

Um exame médico é, sem dúvida, o passo inicial para quem quer começar uma atividade física. As pessoas que já apresentam alguma limitação ou  problemas de saúde diagnosticados e que já estão em tratamento clínico, devem perguntar ao seu médico qual o tipo de atividade física mais indicada. Após isso, deve buscar um local com profissionais capacitados, que poderão orientar sobre a forma correta de realizar os exercícios e também criar metas para o seu plano de exercícios.

O profissional da educação física é amplamente qualificado para garantir o sucesso de qualquer plano de exercícios. Quando estiver na academia, certifique-se que o professor está sempre por perto, peça ajuda, faça perguntas, não faça o exercício se estiver na dúvida de que está certo ou não.

Certifique-se que você está na postura correta para realizar os exercícios e tenha sempre em mãos uma garrafinha de água, pois os líquidos eliminados através do exercício precisam ser repostos para o perfeito funcionamento do corpo!

Importantíssimo: o exercício está lhe causando dor? Não vale aqui aquela dor após o exercício, esta é normal, principalmente na primeira semana. Mas a atenção deve estar se houver dor nas costas durante um agachamento, por exemplo. 

A famosa “lombalgia” é a queixa mais comum entre os pacientes praticantes de atividades físicas. Isso acontece por dois motivos básicos: 1) os exercícios estão sendo realizados de forma errada, por vezes por falta de orientação profissional; 2) o tipo de exercício que a pessoa pratica não é indicado para ela, tendo em vista que a maioria das pessoas apresentam algum tipo de alteração postural ou problema na coluna já instalado (mesmo que a pessoa não saiba disso).

Nesse caso de dor, o primeiro passo é buscar ajuda médica, como já foi dito. Uma forma de viabilizar a prática do exercício sem se prejudicar é buscar a orientação de um fisioterapeuta. Este profissional irá avaliar o seu problema, olhará os exames que possivelmente o médico lhe solicite, e irá lhe ajudar a realizar os exercícios de forma correta. O bom fisioterapeuta saberá responder suas dúvidas e também lhe dirá qual tipo de exercício e/ou aparelho que você deve evitar ou restringir o uso. O fisioterapeuta também poderá lhe ajudar a encontrar o tipo de atividade física mais indicada para o seu caso, em específico. 

Com o intuito de melhor atender às pessoas que estão em busca de melhorar sua saúde, os profissionais da educação física e da fisioterapia trabalham em conjunto para proporcionar condições adequadas para a realização da atividade física. Isto sim é a prática do exercício físico orientado!

Fonte: Fernanda Zunino – zuninofisio@gmail.com

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>