Pilates nas Olimpíadas: A receita de Allan do Carmo

Pilates nas Olimpíadas: A receita de Allan do Carmo  

Ele tem 17 anos, nasceu em Salvador e é uma grande promessa nas Olimpíadas de Pequim. Allan do Carmo estréia nos Jogos Olímpicos deste ano, levando o nome da Bahia à maratona aquática, ao lado de Ana Marcela Cunha.

“Eu sei que os adversários desejam estar entre os três primeiros colocados, mas este também é um desejo meu. Então eu vou brigar, fazer de tudo para estar lá entre os três”.

Depois de ganhar notoriedade nos Jogos Pan-Americanos do Rio, quando conquistou a medalha de bronze na maratona aquática, Allan segue para Pequim ocupando o sexto lugar no ranking mundial de 10km. “Isso ajuda a gente a chegar na China sabendo que o trabalho está sendo bem feito”, contou o nadador às vésperas de seguir para o México.

Pilates nas Olimpíadas: A receita de Allan do Carmo  

Treinando às 5h30 da manhã. Só sendo atleta mesmo…

Mas até chegar ao México, a rotina de treinamento foi dura. Allan ainda treina em Salvador, apesar da falta de patrocínio – que fez com que Ana Marcela se mudasse para Santos (SP).

“Eu chego no clube às 5h30 da manhã. Saio de lá às 10h30 e vou para o Pilates”.  A partir daí, ele volta às piscinas às 16h30 e só chega em casa à noite, para descansar à espera do dia seguinte de treinamento. Além disso, Allan do Carmo realiza sessões de massoterapia semanalmente.

Pilates nas Olimpíadas: A receita de Allan do Carmo  

Lá no México a rotina não é mais leve. O nadador realiza treinamento de altitude e explica a função desta nova preparação: “o treinamento é feito para aumentar a quantidade de glóbulos vermelhos no sangue. Quando você desce para uma região mais baixa, o alto número de glóbulos vermelhos aumenta o seu rendimento”, comenta o atleta.

CADASTRE-SE

PUBLICIDADE

Cursos de Pilates Brasil

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>